Estando a decorrer a Renúncia Quaresmal de 2017, o Patriarcado de Lisboa informa o seguinte:
1. Da “Renúncia Quaresmal” de 2011, no montante de € 245 719, destinado “à ajuda da Igreja de Lisboa a outras Igrejas mais pobres”, de entre as quais a diocese do Mindelo, o Patriarca de Lisboa,  em conformidade com os fins anunciados, decidiu:
– Entregar à diocese de Palai, na India, para ajuda à construção de um hospital: €50 000;
– Pagar a formação de seminaristas de África (onde se incluem do Mindelo, Santiago e S. Tomé e Príncipe) e da Índia, nos anos letivos  de 2010/12 o montante de: €154 400.
– Continuar a pagar a formação  do clero autóctone desses países, como “ajuda às igrejas mais pobres”, tendo despendido  entre 2013/16 mais: €605 600.
– Casa do Gaiato do Tojal, sem acordos com Segurança Social: €80 000.

2. Da “Renúncia Quaresmal” de 2012, no montante de € 286 251, destinado ao Fundo Diocesano “Igreja Solidária”,  confiou a gestão à Cáritas diocesana.

3. Da “Renúncia Quaresmal” de 2013, no montante de €233 148,37, destinado a partilhar com Igrejas irmãs que nos solicitem ajuda, sem excluir situações de pobreza da própria família diocesana”:
– Por não ter sido possível celebrar acordos de cooperação entre o Estado e a Casa do Gaiato, entregou para a sustentação de cerca de sessenta rapazes: € 95 000;
– Partilhou com outras igrejas irmãs de Portugal, na formação dos seus alunos, entre 2010 e 2016, o montante de: €646 000.

4. Da “Renúncia Quaresmal” de 2014, no montante de € 285 950,11, destinado “a apoiar a Ajuda de Berço”, entregou, por arredondamento: €300 000.

5. Da “Renúncia Quaresmal” de 2015, no montante de €250 910,57 destinado “a apoiar as instituições sociais diocesanas, designadamente as que acompanham os mais novos, como a Casa do Gaiato de Lisboa, ou pessoas sem-abrigo e fragilizadas, como a Comunidade Vida e Paz”, foi entregue:
– Comunidade Vida e Paz: € 50 000;
– Instituto de Beneficência Maria da Conceição Ferrão Pimentel: € 105 000;
– Casa do Gaiato do Tojal: €85 000;
– para resposta a necessidades emergentes: €10 910,57.

6. Da “Renúncia Quaresmal” de 2016, agora em fecho de contas, mas já com o resultado de €252 803,39 será entregue a pessoas e instituições, no contexto da realização das obras de misericórdia, com o objetivo da valorização humana  autónoma e livre dos beneficiários.

Patriarcado de Lisboa, 30 março  de 2017

Partilhar